Comportamento de consumo de alimentos de famílias de baixa renda de pequenas cidades brasileiras: o caso de Mato Grosso do Sul

  • Lilliane Renata Defante Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Campo Grande, MS
  • Leidy Diana Oliveira Nascimento Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCT&I), Brasília, DF
  • Dario de Oliveira Lima-Filho Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Campo Grande, MS
Palavras-chave: Alimentação. Comportamento alimentar. Cultura alimentar.

Resumo

Este trabalho teve como objetivo analisar os hábitos alimentares de famílias de baixa renda nos territórios dos Consórcios de Segurança Alimentar e Desenvolvimento Local de Mato Grosso do Sul (CONSAD). Foi feito um estudo quantitativo-descritivo junto a 584 indivíduos moradores dos 24 municípios abrangidos, pertencentes às classes sociais C2, D e E, no ano de 2010, utilizando questionário estruturado. Os resultados mostram a existência de dois clusters, nomeados de segmento “saudável” e segmento “apreciadores de comida”.

Referências

BELIK, W. Perspectiva para a segurança alimentar e nutricional no Brasil. Saúde e sociedade, São Paulo, v. 12, n. 1, p. 12-20, 2003.

BRADY, M. K.; ROBERTSON, C. J.; CRONIN, J. J. Managing behavioral intentions in diverse cultural environments: an investigation of service quality, service value, and satisfaction for American and Ecuadorian fast-food customers. Journal of International Management, v. 7, n. 2, p. 129-149, 2001.

BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), 2008. Disponível em: <http://www.mds.gov.br/programas/seguranca-alimentar-e-nutricional-san/consad>. Acesso em: 08 fev. 2009.

CANESQUI, A. M.; GARCIA, R. W. D. Uma introdução à reflexão sobre a abordagem sociocultural da alimentação. In: CANESQUI, A. M.; GARCIA, R. W. D. (Org.). Antropologia e nutrição: um diálogo possível. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2005. 306p. (Col. Antropologia e Saúde).

CHAUVEL, M. A.; MATTOS, M. P. A. Z. Consumidores de baixa renda: uma revisão dos achados de estudos feitos no Brasil. Cadernos EBAPE.BR. Rio de Janeiro, v. 6, n. 2, p. 1-17, jun. 2008.

CONTRERAS, J.; GRACIA, M. Alimentação, sociedade e cultura. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2011. 496p.

CUDJE, G.; BREISINGER, C.; DIAO, X. Local impacts of a global crisis: food price transmission, consumer, welfare and poverty in Ghana Food Policy. In press, available online, 2010. Disponível em: <http://www.ifpri.org/sites/default/files/publications/gsspwp15.pdf>. Acesso em: 20 out. 2013.

DRICHOUTIS, A. C.; LAZARIDIS, P.; NAYGA JR, R. M. An assessment of product classe involvement in food purchasing behavior. European Journal of Marketing, v. 41, n. 7-8, 2007, p. 888-914.

FISBERG, M. et al. Hábitos alimentares na adolescência. Pediatr Mod, v. 36, p. 766-70, 2000. In: GARCIA, R. W. D. Reflexos da globalização na cultura alimentar: considerações sobre as mudanças na alimentação urbana. Revista de Nutrição, Campinas, p. 483-492, out./dez. 2003.

FOOD AND AGRICULTURAL ORGANIZATION OF THE UNITED NATIONS – FAO. The state of food insecurity in the world 2008: high food price and food security – threats and opportunities, 2008. Disponível em: <http://www.fao.org/docrep/011/i0291e/i0291e00.htm>. Acesso em: 24 out. 2013.

HAIR, J. H.; ANDERSON, R.E.; TATHAM, R. L.; BLACK, W. C. Fundamentos de métodos de pesquisa em administração. Porto Alegre: Bookman, 2005.

HAIR, J. F. et al. Análise multivariada de dados. 6. ed. Porto Alegre: Bookman, 2009.

INGLIS, V.; BALL, K.; CRAWFORD, D. Does modifying the household food budget predict changes in the healthfulness of purchasing choices among low- and high-income women? Appetite, v. 52, n. 2, p. 273-279, abr. 2009.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Censo Agropecuário 2006: Agricultura Familiar. Rio de Janeiro, 2006, p.1-267.

______. Pesquisa de orçamentos familiares 2008-2009: despesas, rendimentos e condições de vida. Rio de Janeiro, 2010.

LAURETTI, M. et al. Sensory acceptability of traditional food preparations by elderly people. Food quality and preference, v. 17, n. 1-2, p. 43-52, jan./mar. 2006.

LEIBTAG, E. S; KAUFMAN, P. R. Exploring food purchase behavior of low-income households: how do they economize? Agriculture Information Bulletin, n. 747, 2003. Disponível em: <http://www.ers.usda.gov/Publications/AIB747/aib74707.pdf>. Acesso em: 18 abr. 2009.

LENGARD, V.; JOHANSEN, S. B.; HERSLETH, M. Alternative methods for combining design variables and consumer preference with information about attitudes and demographics in conjoint analysis. Food Quality and Preferences, v. 21, n. 4, p. 368-378, jun. 2010.

LIMA-FILHO, D. O.; OLIVEIRA, L. D. S. Food distribution retail technologies: a comparison between countries with different income levels. Espacios, Caracas, v. 30, n. 3, 2009, p. 21-24.

MAIA-FILHO, N. S. Análise descritiva dos hábitos de lazer do consumidor idoso de baixa renda. 2008. 140 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2008.

MISHRA, G., BALL, K., ARBUCKLE, J., CRAWFORD, D. Dietary patterns of Australian adults and their association with socioeconomic status: results from the 1995 National Nutrition Survey. Eur J Clin Nutr, v. 56, n. 7, 2002, p. 687-93.

MONTEIRO, C. A. A dimensão da pobreza, da desnutrição e da fome no Brasil. Revista Estudos Avançados, São Paulo, v. 17, n. 48, p. 7-20, 2003.

MURARO, M. L. C. A decisão de compra de vestuário no varejo de baixa renda: a influência das características do produto e da apresentação na loja. 2007. 92 f. Dissertação (Mestrado em Administração), Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 2007.

MYERS, R. J. On the cost of food price fluctuations in low-income countries. Food Policy, v. 31, n. 4, 2006, p. 288-301.

OLIVEIRA, L. D. S.; WATANABE, E. A. M.; LIMA-FILHO, D. L.; SPROESSER, R. L. Public policies for food security in countries with diferents income levels. International Public Management Review, v. 11, n. 3, p. 122-141, 2010.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE - OMS. Diet, nutrition and the prevention of excess weight gain and obesity. Geneva: WHO, 2003. Disponível em: <http://whqlibdoc.who.int/trs/WHO_trs_916.pdf> Acesso em: 17 out. 2009.

PAGOTTI, A. W. et al. As preocupações dos estudantes universitários do curso de Psicologia de duas instituições de ensino superior, 2006. Disponível em: <http://www.psicologia.com.pt/artigos/textos/A0324.pdf>. Acesso em: 20 jul. 2010.

PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDADES PARA O DESENVOLVIMENTO – PNUD, 2009. Disponível em: <http://www.pnud.org.br/pobreza_desigualdade/reportagens/index.php?id01=3187&lay=pde>. Acesso em: 27 out. 2013.

POULAIN, J-P. Sociologias da alimentação. Florianópolis: Editora UFSC, 2004.

POWELL, L. M.; ZHAO, Z.; WANG, Y. Food prices and fruit and vegetable consumption among young American adults. Health & Place, v. 15, n. 4, p. 1064-1070, 2009.

REGMI, A.; GEHLHAR, M. New directions in global food markets. Agriculture Information Belletin Number, n. 794, p. 1-81, 2005.

WEINGARTNER, L. The concept of food and nutrition security. Background Paper nº 1 in International Training Course. Food and nutrition security: Assessment instruments and intervention strategies. Germany. Welt Hunger Hilfe, 2004.

Publicado
2015-11-23