Populações indígenas e lógicas tradicionais de Desenvolvimento Local

  • Antonio Antonio J. Brand J. Brand
  • Rosa S. Colman
  • Reginaldo B. Costa
Palavras-chave: Desenvolvimento. Populações indígenas. Lógicas tradicionais.

Resumo

O texto analisa as perspectivas de desenvolvimento junto a populações indígenas, tendo como referênciaos Kaiowá e Guarani, no Mato Grosso do Sul, Brasil. Embora com as mesmas demandas por proteção, segurançaalimentar, saúde, entre outras, e, muitas vezes, com os mesmos bens econômicos ou recursos naturais disponíveis,as formas historicamente construídas por cada povo para satisfazer suas necessidades têm sido específicas, sendoque essa distintividade remete para a organização social, as visões de mundo e cosmologias específicas de cadapovo.

Referências

ARRUDA, Rinaldo S.V. e DIEGUES, Antônio Carlos(org). Saberes tradicionais e biodiversidade no Brasil. Brasília: Ministério do Meio Ambiente; S. Paulo: USP, 2001.

BRAND. Antonio. O impacto da perda da terra sobre a tradição kaiowá/guarani: os difíceis caminhos da Palavra. Tese (Doutorado em História) – PUC/RS, 1997.

______. O confinamento e o seu impacto sobre os Pãi/Kaiowá Dissertação (Mestrado em História) – Pontíficia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, 1993.

______. Desenvolvimento Local em Comunidades Indígenas no Mato Grosso do Sul: a construção de alternativas. Interações, Campo Grande: UCDB, v. 1, n. 2, p. 59-68, março de 2001.

______. Biodiversidade, sócio-diversidade e desenvolvimento local: os Kaiowá e Guarani no Estado de Mato Grosso do Sul. In: Costa, Reginaldo Brito da. Fragmentação florestal e alternativas de desenvolvimento rural na Região Centro-Oeste. Campo Grande: UCDB, 2003. p. 175-204.

BREMEN, Volker Von. Fuentes de caza y recolección modernas. Projectos de ayuda al dessarolo destinados a los indígenas del Gran Chaco.1987.

CHAMORRO, Graciela. Kurursu Ñe’ëngatu: palavras que la história no podría olvidar. Assunción: Centro de Estúdios Antropológicos/ Instituito Ecumênico de Posgrado/ COMIN, 235 p, 1995.

______. Ava ha kuña reko, aspectos do modo de ser guarani - Relatório apresentado ao COMIN sobre o Projeto AVA REKO, desenvolvido entre os Guarani, de julho de 1990 a junho de 1991 (inédito), 362 p.

DESCOLA, Philippe. La selva culta. Simbolismo y praxis en la ecología de los Achuar. trad. de Juan Carrera Colin y Xavier Catta Quelen. Quito: Abya- Yala, 1988.

DURSTON, John. Construyendo capital social comunitário. CEPAL (69). Santiago: CEPAL, 1999.

ELIZALDE, Antonio. Dessarolo y sustentabilidad: límites y potencialidades. Documentación social. n. 89, 1992.

______. Desarollo a escala humana: conceptos y experiências. Interações. Campo Grande: UCDB, v. 1, n. 1, p. 51-62, set. 2000.

GALLOIS, Dominique. Sociedades indígenas e desenvolvimento: discursos, práticas, para pensar a tolerância. In Povos indígenas e tolerância. Grupione, Luis Donisete, Vidal Lux e Fischmann, Roseli (org), São Paulo: Edusp, 2001.

GIANNINI, Isabelle Vidal. Os índios e suas relações com a Natureza. In: GRUPIONI, Luis Donisete Benzi (org.). Índios do Brasil. São Paulo: Secretaria Municipal de Cultura, 1992.

KLINSBERG, Bernando. Capital social y cultura: claves esenciales del desarrolo. CEPAL (69). Santiago: CEPAL, 1999.

MAX-NEEF, Manfred; ELIZALDE, Antonio; HOPENHAYN, Martin. Desarollo a escala humana. Una opción para el futuro. Development Dialogue. Número especial CEPAUR, Uppsala, Suécia, 1986.

MELIÀ, Bartomeu; TEMPLE, Dominique. El don, la venganza y otras formas de economía guaraní. Asunción del Paraguay, CEPAG, 2004

SAHLINS, Marshall. Economia de la edad de piedra. Madrid: Akaleditor, 1997.

SCHROEDER, Peter. Economia Indígena. Situação atual e problemas relacionados a projetos indígenas de comercialização na Amazônia Legal. Recife: Editora Universitária UFPE, 2003.

SILVA, Aracy Lopes da. Mitos e Cosmologias no Brasil: Breve Introdução. In: GRUPIONI, Luis Donisete Benzi (org.). Índios do Brasil. São Paulo: Secretaria Municipal de Cultura,1992, p. 75-82.

SOUSA, Cássio Noronha I.; SOUZA LIMA, Antonio Carlos, ALMEIDA, Fábio Vaz R., WENTZEL, Sondra. (orgs.). Povos Indígenas: projetos e desenvolvimento. Rio de Janeiro: Contra Capa Livraria, 2007.

Publicado
2016-02-17