Políticas públicas e estratégias de comunicação para o desenvolvimento local de comunidades pesqueiras de Pernambuco

  • Rosa Maria Saraiva
  • Angelo Brás Fernandes Callou
Palavras-chave: Estratégias de comunicação. Desenvolvimento local. Extensão pesqueira.

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo analisar as estratégias de comunicação utilizadas pela extensãopesqueira do Programa de Combate à Pobreza Rural e Projeto Peixe de Rede para o desenvolvimento local dascomunidades pesqueiras de Atapuz, Barra de Catuama e Tejucupapo, município de Goiana, Pernambuco.

Biografia do Autor

Angelo Brás Fernandes Callou

Referências

ANDRADE NETO, Austriclínio Bezerra de. Estratégias de comunicação para o desenvolvimento local: a experiência do programa de combate à pobreza rural em Pernambuco. 2007. Dissertação (Mestrado) – POSMEX, Recife.

BELTRÁN, Luiz Ramiro. Adeus a Aristóteles: comunicação horizontal. Comunicação e Sociedade, Revista semestral de estudo de comunicação, São Paulo: Cortez, n. 6, p. 5-35, set. 1981.

BUARQUE, Sergio C. Construindo o desenvolvimento local sustentável. Rio de Janeiro: Garamond, 2002.

CALLOU, Angelo Brás Fernandes; BRAGA, Brenda. Estratégias de comunicação para o desenvolvimento local: uma experiência governamental em Pernambuco, Brasil. Revue Unircoop, n. 4, Université de Sherbrooke, 2005.

CALLOU, Angelo Brás Fernandes; TAUK SANTOS, Maria Salett. Extensão pesqueira e gestão no desenvolvimento local. In: PRORENDA RURAL – PE. Extensão Pesqueira: desafios contemporâneos. Recife: Bagaço, 2003. p.223-236.

______. Formação de comunicadores rurais: novas estratégias para enfrentar o século XXI. Contexto e Educação, Ijuí: Unijuí, n. 63, p.119-130, jul./set. 2001.

______. Estratégias governamentais de comunicação para o desenvolvimento local. Bahia: INTERCOM, 2002.

CALLOU, Angelo Brás Fernandes. Relatório final das atividades de extensão pesqueira do projeto renascer (PCPR) em Pernambuco: avaliação, planejamento e resultados, 2004.

______. Atividades de extensão pesqueira do projeto Renascer (PCPR II) em Tejucupapo e Atapuz (Goiana-Pe). Recife, 2006.

CARVALHO, Felipe; ARAÚJO, Eduardo. Extensão pesqueira e desenvolvimento local: a experiência da Secretaria Especial de Aqüicultura e Pesca do Estado de Pernambuco, 2003-2006. 2007..Dissertação (Mestrado) – UFRPE – Departamento de Educação – Programa de Pós-graduação em Extensão Rural e Desenvolvimento Local, POSMEX.

CAVACO, Carminda. Turismo e desenvolvimento local. In: RODRIGUES, Adyr B. (Org.). Turismo e Geografia: reflexões teóricas e enfoques regionais. São Paulo: Hucitec, 1996. p. 94-121.

CHIZZOTTI, Antonio. Pesquisa em ciências humanas e sociais. 5. ed. São Paulo: Cortez, 2001.

DEMO, Pedro. Participação é conquista: noções de política social participativa São Paulo: Cortez, 1986. 176 p.

FRANCO, Augusto de. O lugar mais desenvolvido do

mundo. Investindo no capital social para promover o desenvolvimento comunitário. Brasília, Distrito Federal: AED – Agência de Educação para o Desenvolvimento, 2005.

______. Porque precisamos de desenvolvimento local integrado e sustentável. 2. ed. Brasília, DF: MILLENNIUM – Instituto de Política, 2000. 116 p.

JARA, Carlos Júlio. Capital humano e capital social no desenvolvimento local sustentável. In: ______. As dimensões intangíveis do desenvolvimento sustentável. Brasília: IICA, 2001. p. 99-121.

______. Globalização, desenvolvimento local e associativismo. In: A sustentabilidade do desenvolvimento local: desafios de um processo em construção. Brasília: IICA, 1998. p. 63-77.

______. A sustentabilidade do desenvolvimento local: um processo em construção. Instituto Interamericano de Cooperação para Agricultura – IICA. Recife: Secretaria de Planejamento do Estado de Pernambuco – SEPLAN, 1998. 316p.

KRANS, Patrícia. Agenda 21 Local: uma proposta de sustentabilidade. In: SILVEIRA, Caio; REIS, Liliane (Orgs.). Desenvolvimento local: dinâmica e estratégias. Rio de Janeiro: DLIS, 2001.

PERRUCI, Arthur Emílio da Costa. Extensão pesqueira, desenvolvimento local e participação popular: estudo de recepção do programa de combate à pobreza rural pelos pescadores familiares de Tejucupapo, Goiana – Pernambuco. 2007. Dissertação (Mestrado) – POSMEX,

Recife. PROMATA - Programa de apoio ao desenvolvimento sustentável da Zona da Mata de Pernambuco. Relatório – 2006.

PROJETO RENASCER. Manual de operações do PCPR II. Recife 2004a. 144 p. PROJETO RENASCER Relatório de atividades de extensão pesqueira do projeto Renascer, 2004.

RABELO, Desirée Ciprano. Comunicação e mobilização na Agenda 21 Local. Vitória, ES: EDUFES/FACIEC, 2003.

SIQUEIRA, Andréia Teixeira de. Relatório final de consultoria - PROPRURAL RENASCER - 2005.

SIQUEIRA, Andréia Teixeira de. Relatório n 1 – PROPRURAL RENASCER - 2006.

SOUZA E SILVA, Josenildo de Sousa. A extensão pesqueira no Projeto Prorenda Rural – PE: o caso da Colônia dos Pescadores de Pontas de Pedras Z-3, Goiana/PE, 146p, 2001.

TAUK SANTOS, Maria Salett. Comunicação rural: do difusionismo tecnológico ao desenvolvimento local. In: PRORENDA RURAL – PE (Org.). Extensão e o novo espaço rural no nordeste brasileiro. Recife: Bargaço, 2003,

TAUK SANTOS, Maria Salett; CALLOU, Angelo Brás Fernandes. Desafios da comunicação rural em tempo de desenvolvimento local. In: Signo – Revista de Comunicação Integrada, João Pessoa-PB, v. 2, n.3, 1995.

TORO, J.B.; WERNECK, N.M. Mobilização social: um modo de construir a democracia e a participação. Belo horizonte: Autêntica, 2004. 104p.

Publicado
2016-02-17