Agricultura familiar e desenvolvimento local: os desafi os para a sustentabilidade econômico-ecológica na comunidade de Palmares II, Parauapebas, PA

  • Alessio Moreira dos Santos
  • Danielle Mitja
Palavras-chave: Agricultura familiar. Desenvolvimento Local. Sustentabilidade.

Resumo

Este artigo tem por objetivo analisar as atividades agrícolas dos agricultores familiares e suas repercussõessobre o meio ambiente no Assentamento Palmares II, localizado no município de Parauapebas, PA, e discutir aspotencialidades para o desenvolvimento local. A sustentabilidade econômico-ecológica dos estabelecimentos familiarespoderá ser alcançada através da capacitação das famílias assentadas em técnicas agrícolas de conservação dosrecursos naturais e capacitação para a agroindustrialização de produtos a serem comercializados no mercado local.

Referências

ABRAMOVAY, R. O capital social dos territórios: repensando o desenvolvimento rural. Revista de Economia Aplicada, São Paulo, n. 2, v. IV, p. 379-397, abril/junho 2000. Disponível em: <http://abramovay.pro.br/>. Acesso em: 30 mar. 2010.

ALMEIDA, A. P. O. Feira do produtor rural de Parauapebas, PA: aspectos econômicos e sociais. 2010. 57 f. Monografia (Curso de Agronomia) - Universidade Federal do Pará, Marabá, PA, 2010.

ALVES, R. N. B.; HOMMA, A. K. O. Pecuária versus diversifi cação da produção nos Projetos de Assentamentos no Sudeste Paraense. Comunicado Técnico, 97, Belém, Embrapa Amazônia Oriental, p. 1-6, agosto 2004.

ARAÚJO, M. A. R. Unidades de Conservação no Brasil: da república à gestão de classe mundial. Belo Horizonte: SEGRAC, 2007. 272 p.

COMPANHOLA, C.; SILVA, J. G. Desenvolvimento local e a democratização dos espaços rurais. Cadernos de Ciência & Tecnolologia, Brasília, v. 17, n. 1, p. 11-40, jan./abr. 2000.

CRUZ, K. C. M. S.; VALENTE, A. L. E. F. Produção familiar, agronegócio e desenvolvimento local sustentável em área remanescente de quilombo um estudo de caso na comunidade Kalunga. In: CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ECONOMIA E SOCIOLOGIA RURAL, 42. 2004, Cuiabá. Anais...Cuiabá, MT, p. 487-487, 2004. DENARDI, R. A. Agricultura familiar e políticas públicas: alguns dilemas e desafi os para o desenvolvimento rural sustentável. Agroecol. e Desenv. Rur. Sustent., Porto Alegre, v. 2, n. 3, jul./set. 2001.

FEARNSIDE, P. M. A fl oresta amazônica nas mudanças globais. Manaus: INPA, 134 p., 2003. GALVÃO, E. et al. Análise da renda e da mão-de-obra nas unidades Agrícolas Familiares da Comunidade de Nova Colônia, Município de Capitão Poço, Pará. Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, v. 1, n. 1, jul. /dez. 2005. GRUPO DE TRABALHO AMAZÔNICO. Assentados de Palmares comemoram dez anos. 2004. Disponível em: <http://www.gta.org.br/noticiasexibir. php?codcel=385>. Acesso em: 02 nov. 2009.

GUILHOTO, J. et al. A importância do agronegócio familiar no Brasil. RER, Rio de Janeiro, v. 44, n. 03, p. 355-382, jul/set 2006.

LACERDA, L. et al. Agroindustrialização de alimentos nos assentamentos rurais do entorno do Parque Nacional da Serra da Bodoquena e sua inserção no mercado turístico, Bonito/MS. INTERAÇÕES, v. 8, n. 1, p. 55-64, mar. 2007.

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO (MDA). Políticas integradas para reduzir desigualdades. Jornal Territórios da Cidadania: Brasília, março de 2008.

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO (MDA) / SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL (SDT). Estudo propositivo para dinamização econômica território rural do sudeste paraense. Brasília, 2007. Disponível em: <http://serv-sdt-1.mda. gov.br/biblioteca_virtual/ep/EP_PR_Vale_do_Ribeira. pdf>. Acesso em: 13 Maio 2010.

MELO, D. R. G. A. Dados recentes do agronegócio brasileiro. Revista da UFG, v. 7, n. 01, junho 2004. (on line). Disponível em: <http://www.proec.ufg.br>. Acesso em: 25 out. 2009.

MICHELOTTI, F. Luta pela terra e assentamentos no sudeste do Pará. In: ENCONTRO DA REDE DE ESTUDOS RURAIS, 3. Campina Grande, PB, 2008. Disponível em: .

MICHELOTTI, F.; RODRIGUES, F. N. C. V. Desafios para a sustentabilidade ecológica integrada a trajetórias de estabilização da agricultura familiar na região de Marabá. Novos Cadernos NAEA, v. 5, p. 73-103, 2004.

MICHELOTTI, F.; SOUZA, H.; ALMEIDA, A. P. O. Estratégias de comercialização e reprodução camponesa no sudeste Paraense: a participação do Assentamento Palmares

II na Feira do Produtor Rural de Parauapebas/PA. In: ENCONTRO DA REDE DE ESTUDOS RURAIS, 4. Anais... Curitiba, julho de 2010.

MILANI, C. Teorias do capital social e desenvolvimento local: lições a partir da experiência de Pintadas (Bahia). Salvador: UFBA; NPGA/NEPOL/PDGS, 2005.

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA. Agronegócio brasileiro: uma oportunidade de investimentos. Disponível em: <http://www.agricultura.gov.br/portal/page?pageid=33,968707&dad=portal&schema=PORTAL>. Acesso em: 01 nov. 2009.

MOVIMENTO DOS TRABALHADORES RURAIS SEM TERRA. Projeto de assentamento do Pará comemora dez anos. Junho de 2004. Disponível em: <http://www.mst.org.br/node/2044>. Acessado em: 02 nov. 2009.

OLIVEIRA, E. R.; RIBEIRO, E. M. Indústria rural, agricultura familiar e desenvolvimento local: o caso da produção de cachaça artesanal em Salinas-Minas Gerais. In: SEMINÁRIO SOBRE A ECONOMIA MINEIRA, 10. 2002, Anais... Diamantina, MG, 2002.

OLIVEIRA, F. Aproximações ao enigma: que quer dizer desenvolvimento local? In: OLIVEIRA, F. et al. Novos contornos da gestão local: conceitos em construção. São Paulo: Pólis, 2001. p. 11-31.

PINTO, J. N. A.; SILVA, L. Elementos para a compreensão da dinâmica do agronegócio na Amazônia. Texto do Projeto de Desenvolvimento do “Pará Rural”, julho 2005.

PROJETO PNUD/BRA/98/012. Agricultura Familiar no Contexto Desenvolvimento Local Sustentável. PRONAF/SDR/PNUD, 1999 .

Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável do Sudeste do Pará (PTDRS). Laboratório Sócio Agronômico do Tocantins (LASAT). Marabá, PA: UFPA, 2006.

REIS, D. A. Diagnóstico da qualidade do solo, segundo o saber acadêmico e a percepção do agricultor, nos sistemas de Roça e Pasto no Assentamento Palmares II. 2008. 75 f. Monografia (Trabalho de Conclusão de Curso em Agronomia) – Universidade Federal do Pará, Marabá, PA, 2008.

SANTOS, A. M. Estrato arbóreo nas pastagens de agricultores familiares da comunidade de Benfi ca, Itupiranga-PA. 2007. 79 f. Monografia (Trabalho de Conclusão de Curso em Agronomia) - Universidade Federal do Pará, Marabá, PA, 2007.

SANTOS, A. M. Consequências das práticas agrícolas na diversidade vegetal em Parauapebas, Pará. 2011. 93 f. Dissertação (Mestrado em Gestão dos Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia) – Universidade Federal do Pará/NUMA, Belém, PA, 2011.

SANTOS, A. M; MITJA, D. Pastagens arborizadas no Projeto de Assentamento Benfi ca, município de Itupiranga, Pará, Brasil. Rev. Árvore, Viçosa, MG. (no prelo)

SCHMITZ, H.; MOTA, D. M. Agricultura Familiar: elementos teóricos e empíricos. Revista Agrotrópica. Itabuna, v. 19, p. 21-30, 2007.

SHIVA, V. Monoculturas da mente: perspectivas da biodiversidade e da biotecnologia. São Paulo: Gaia, 2003.

SOUZA, H. et al. A reprodução sócio-econômica e produtiva do campesinato no Sudeste Paraense: o Assentamento Palmares II, Parauapebas/PA. In: CONGRESSO DO CAMPUS DE MARABÁ: PRÁTICAS, SABERES E REFLEXÕES NA CONSTRUÇÃO DE UMA UNIVERSIDADE, 1. Marabá, 21 out. 2010.

TOMASETTO, M. Z. C.; LIMA, J. F.; SHIKIDA, P. F. A. Desenvolvimento local e agricultura familiar: o caso da produção de açúcar mascavo em Capanema - Paraná. INTERAÇÕES, Campo Grande, v. 10, n. 1, p. 21-30, jan./jun. 2009.

VEIGA, J. E. Agricultura familiar e sustentabilidade. Cadernos de Ciência e Tecnologia. Brasília, DF, v. 13, n. 3, p. 383-404, set./dez. 1996.

WARD, C. C. Piecing Together Social and Environmental Priorities in the Ongoing Process of Community Development In the MST Assentamento of Palmares II. Duke University - Nicholas School of the Environment, 2006. Disponível em: <http://digitalcollections.sit.edu/ispcollection/280>. Acesso em: 04 nov. 2009.

Publicado
2016-02-04