Avaliação do potencial de recuperação de edificações ao fim da vida útil: caso de uma instituição federal de ensino superior

Palavras-chave: Reutilização, Desconstrução, vida útil, cenários de fim de vida, resíduos da construção civil

Resumo

O objetivo deste trabalho é apresentar uma metodologia para avaliar o potencial de recuperação de edificações que, devido ao fim de sua vida útil, estão sujeitas a adequações. Para tanto, o escopo do estudo compreendeu o acompanhamento in loco do processo de reabilitação de uma edificação de médio porte, construída na década 1950, pertencente a uma instituição federal de ensino superior (IFES) localizada na cidade de Curitiba, PR. A estratégia delineada foi a pesquisa participante (PP), aliada à técnica da observação participante (OP). Os resultados obtidos demonstraram o potencial de recuperação de 90,04%. Além disso, evitou-se a destinação de 35,7 m³ de resíduos aos aterros, o equivalente a 7% do volume do prédio. Este montante, em parte, foi decorrente das operações de desagregação bem-sucedidas, sobretudo desconstrução e desmontagem. Ainda, os procedimentos definidos nesta pesquisa buscam aumentar a vida útil dos edifícios existentes e atenuar o problema da sobrecarga dos aterros. Por fim, a metodologia proposta pode ser aplicada a edificações de pequeno a médio porte, em intervenções que visem a adequações, tais como obras de reabilitação, retrofit ou reformas.

Biografia do Autor

Roberto Caldeira da Silva, Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Doutor em Engenharia Civil pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Mestre em Engenharia de Construção Civil pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Especialista em Gerenciamento de Obras pela UTFPR. Engenheiro civil pela UFPR. Atua como engenheiro na UTFPR.

André Nagalli, Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Doutor em Geologia,  mestre em Engenharia de Recursos Hídricos e Ambiental,  e engenheiro civil pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Advogado pela Universidade Tuiuti do Paraná (UTP). Atua como professor na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR).

João Pedro Couto, Universidade do Minho (UMinho)

Doutor em Engenharia Civil, mestre em Engenharia Civil e engenheiro civil pela Universidade do Minho (UMinho). Atua como professor assistente na UMinho, Braga, Portugal.

Referências

AKINADE, O. O.; OYEDELE, L. O.; AJAYI, S. O.; BILAL, M.; ALAKA, H. A.; OWOLABI, H. A.; BELLO, S. A.; JAIYEOBA, B. E.; KADIRI, K. O. Design for Deconstruction (DfD): Critical success factors for diverting end-of-life waste from landfills. Waste Management, v. 60, p. 3-13, 2017.

AMOÊDA, R. P. C. Design for deconstruction: emergy approach to evaluate deconstruction effectiveness. Tese (Escola de Arquitetura) – Universidade do Minho, Braga, Portugal, 2009.

AMOÊDA, R. Conservation of materials resources by buildings reuse and on site materials reuse strategies. In: INTERNATIONAL, 2., NATIONAL CONGRESS ON SUSTAINABLE CONSTRUCTION AND ECO-EFFICIENT SOLUTIONS, 4., Sevilha, 2015. Anais [...]. Sevilha, Espanha, 2015. p. 983-94.

ANGULO, S. C., JOHN, V. M., ULSEN, C., KAHN, H. Caracterização de agregados de resíduos de construção e demolição reciclados separados por líquidos densos. In: CONFERÊNCIA LATINO-AMERICANA DE CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL, 1., ENCONTRO NACIONAL DE TECNOLOGIA DO AMBIENTE CONSTRUÍDO, 10., de 18-21 jul., 2004, São Paulo. Anais [...]. São Paulo, 2004.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS [ABNT]. NBR 15575-1 – edifícios habitacionais – desempenho – parte 1 – requisitos gerais. São Paulo, 2013.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS [ABNT]. NBR 15.965-1 – sistema de classificação da informação da construção – parte 1 – terminologia e estrutura. São Paulo, 2011.

BRASIL. Decreto n. 10.306, de 2 de abril de 2020. Building Information Modelling – estratégia BIMBR. Brasília-DF: Departamento da Casa Civil, 2020.

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil – SINAPI. Disponível em: https://www.caixa.gov.br/poder-publico/modernizacao-gestao/sinapi/referencias-precos-insumos/Paginas/default.aspx. Acesso em: 5 ago. 2019.

COUTO, A.; COUTO, J. Why deconstruction is not adequately considered in portuguese building refurbishment. In: ARCOM ANNUAL CONFERENCE, 23., Belfast, Northern Ireland, 2007. Anais [...]. Belfast, 2007.

COUTO, A., COUTO, J. P. Guidelines to improve construction and demolition waste management in Portugal. In: Pomffyova, M. (Ed.). Process Management, Croatia: Intech, 2010. p. 285-308

CROWTHER, P. Design for disassembly – themes and principles. RAIA/BDP Environment Design Guide, [s.l.], [s.p.], 2005. Disponível em: https://eprints.qut.edu.au/2888/1/Crowther-RAIA-2005.PDF. Acesso em: 11 fev. 2020.

DIYAMANDOGLU, V.; FORTUNA, L. M. Deconstruction of wood-framed houses: material recovery and environmental impact. Resources, Conservation and Recycling, [s.l.], v. 100, p. 21-30, 2015.

DURMISEVIC, E. Transformable Building Structures: design for disassembly as a way to introduce sustainable engineering to building design & construction. 2006. Tese (Doutorado em Tecnologia) – Technische Universiteit Delft, Delft, Holanda, 2006.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GUY, B.; SHELL, S.; ESHERICK, H. Design for deconstruction and materials reuse. Proceedings of the CIB Task Group 39, v. 4, p. 189-209, 2006.

KIBERT, C. Deconstruction: the start of a sustainable materials strategy for the built environment. UNEP Industry and Environment, Gainesville, v. 26, p. 84-88, 2003.

OLIVEIRA, R. A. F. Metodologia de gestão de obras de reabilitação em centros urbanos históricos. Tese (Programa Doutoral em Engenharia Civil) – Universidade do Porto, Porto, Portugal, 2012.

PLEBANKIEWICZ, E.; ZIMA, K.; WIECZOREK, D. Scenarios for Maintenance and Building Decommissioning in the Building’s Life Cycle. Earth and Environmental Science, Kraków, v. 222, 2019.

NOVAES, M. B. C.; GIL, A. C. A pesquisa-ação participante como estratégia metodológica para o estudo do empreendedorismo social em administração de empresas. Revista de Administração Mackenzie, São Paulo, v. 10, n. 1, p. 134-60, 2009.

RIOS, F. C.; CHONG, W. K.; GRAU, D. Design for Disassembly and Deconstruction – Challenges and Opportunities. Procedia Engineering, Tempe, v. 118, p. 1296-1304, 2015.

SILVA, P. Reutilização de elementos construtivos na construção. 2008. Dissertação (Mestrado Integrado em Engenharia Civil) – Universidade do Porto, Porto, Portugal, 2008.

SILVA, R. C.; NAGALLI, A.; COUTO, J. A desconstrução como estratégia para recuperação de materiais e componentes da edificação. In: ENCONTRO NACIONAL DE TECNOLOGIA DO AMBIENTE CONSTRUÍDO [ENTAC], 17., 2018, Foz do Iguaçu. Anais [...], 2018.

SILVA, R. C. Potencial de recuperação de materiais e componentes de edificações: análise crítica em um processo de reabilitação. Tese (Doutorado em Engenharia Civil) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2020.

SAGHAFI, M.; TESHNIZI, Z. Building deconstruction and material recovery in Iran: an analysis of major determinants. Procedia Engineering, Tehran, v. 21, p. 853-63, 2011.

SANTOS, M. R. P. Metodologias de previsão da vida útil de materiais, sistemas ou componentes da construção. Revisão bibliográfica. Dissertação (Mestrado Integrado em Engenharia Civil) – Universidade do Porto, Porto, Portugal, 2010.

SEVERINO, A. J. Metodologia do trabalho científico. 23. ed. rev. e atual. São Paulo: Cortez Editora, 2007.

SOUSA, I. F. N. Princípios da reabilitação de edifícios: aplicação a casos de estudo. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil na Área de Especialização em Edificações) – Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, Lisboa, Portugal, 2016.

TINGLEY, D. D. Design for deconstruction: an appraisal. Tese (Civil and Structural Engineering Department) – University of Sheffield. South Yorkshire, England, 2012.

VAN DEN BERG, M.; VOORDIJK, H.; ADRIAANSE, A. Recovering building elements for reuse (or not) – ethnographic insights into selective demolition practices. Journal of Cleaner Production, Enschede, v. 256, p. 1-12, 2020.

ZAHIR, S; MATT SYAL, M. G.; LAMORE, R.; BERGHORN, G. Approaches and associated costs for the removal of abandoned buildings. In: CONSTRUCTION RESEARCH CONGRESS. 2016, Michigan. Annals [...]. Puerto Rico: Construction Research Council of the Construction Institute of ASCE, 2016. p. 229-339.

Publicado
2021-11-03
Como Citar
Silva, R. C. da, Nagalli, A., & Couto, J. P. (2021). Avaliação do potencial de recuperação de edificações ao fim da vida útil: caso de uma instituição federal de ensino superior. Interações (Campo Grande), 22(3), 731-745. https://doi.org/10.20435/inter.v22i3.2966