Programa Bolsa Família: impacto na alimentação e papel da aquisição não monetária no meio urbano e rural

Palavras-chave: Programa Bolsa Família, Segurança Alimentar e Nutricional, Meio Urbano e Rural, Autoconsumo

Resumo

Este estudo avalia o impacto do Programa Bolsa Família nos meios urbano e rural, investigando mudanças no consumo de alimentos e identificando o acesso a outras aquisições não monetárias. Por meio de 86 entrevistas em um município do Paraná, observou-se que o programa aumentou a frequência do consumo de alimentos com ajuda de outras aquisições não monetárias no meio urbano. No meio rural, o autoconsumo foi importante coadjuvante para a segurança alimentar dos beneficiários.

Biografia do Autor

Naiara Southier, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

Mestre em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável. Nutricionista da Prefeitura Municipal de Laranjeiras do Sul.

Rozane Maria Triches, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

Doutora em Desenvolvimento Rural. Profa. Dra. do Curso de Graduação em Nutrição e do Programa de Pós-Graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

Referências

ATLAS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO NO BRASIL. 2013. Consulte o perfil da sua localidade. 2013. Disponível em: http://atlasbrasil.org.br/2013/pt/home/. Acesso em: 10 dez. 2017.

CAMPELLO, Tereza. Uma década derrubando mitos e superando expectativas. In: CAMPELLO, T.; NERI, M. C. (Org.). Programa Bolsa Família: uma década de inclusão e cidadania. Brasília: Ipea, 2013. p. 15-24.

INSTITUTO BRASILEIRO DE ANÁLISES SOCIAIS E ECONÔMICAS. Repercussões do Programa Bolsa Família na Segurança Alimentar e Nutricional das famílias beneficiadas: resultados referentes à situação de Insegurança Alimentar. Rio de Janeiro: Ibase, 2008.

INSTITUTO PARANAENSE DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL. Diagnóstico socioeconômico do Território Cantuquiriguaçu: 1ª fase: caracterização global/Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social. Curitiba: Ipardes, 2007.

LACERDA, Fernanda Calasans Costa. A pobreza na Bahia sob o prisma multidimensional: uma análise baseada na abordagem das necessidades básicas e na abordagem das capacitações. Uberlândia: UFU, 2009.

MENDES, Luan Souza. Agricultura urbana e periurbana como fonte de renda através do autoconsumo. Florianópolis: UFSC, 2016.

PINHEIRO, Mauricio Mota Saboya. As liberdades humanas como base do desenvolvimento: uma análise conceitual de abordagem das capacidades humanas de Amartya Sen. Rio de Janeiro: Ipea, 2012.

SEN, Amartya. Desenvolvimento como liberdade. Tradução de Laura Teixeira Motta e revisão técnica de Ricardo Doninelli Mendes. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

SENNA, Mônica de Castro Maia; BRANDÃO, André Augusto; Da DALT, Salete. Programa Bolsa Família e o acompanhamento das condicionalidades na área da saúde. Serviço Social & Sociedade, São Paulo, n. 125, p. 148-66, jan./abr. 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/0101-6628.060. Acesso em: 18 jul. 2018.

SILVEIRA, Adriana Dragone; SCHNEIDER, Gabriela. Política educacional, pobreza e educação: retrato do atendimento aos estudantes beneficiários do Programa Bolsa Família no Paraná. Educar em Revista, Curitiba, n. spe. 2, p. 113-30, 2017.

Publicado
2020-10-30